quarta-feira, 19 de maio de 2010

...e ficou tão frio que amanheceu (clique aqui)



foto ney (clique para ampliá-la)

Passarim quis pousar, não deu, voou... Porque o tiro feriu mas não matou... passarinho, me conta, então me diz: Por que que eu também não fui feliz? Cadê meu amor, minha canção? Que me alegrava o coração... Que iluminava escuridão.
E a luz da manhã? O dia queimou... Cadê o dia? Envelheceu... E a tarde caiu e o sol morreu... E de repente escureceu... E a lua, então, brilhou... Depois sumiu no breu..
E ficou tão frio que amanheceu.
Passarim (Tom Jobim) - Vídeo clicando no título acima.

2 comentários:

Mai disse...

O dia descortinando a cidade.
Esse texto me fez lembrar Tom Jobim. Bela imagem, Ney.

abraços

ney disse...

Olá, Mai.
Obrigado pela presença amiga e comentário. Ah, sim, Tom Jobim, clique no TÍTULO (link) para ver o vídeo. No texto reduzi a letra para não ficar ENORME. Abraço/ney.