quinta-feira, 28 de janeiro de 2010

A JANELA ENTREABERTA, O VENTO ENFUNANDO AS CORTINAS...


Apesar do verão 40º, às vezes sopra um vento forte vindo do mar, e pela janela entreaberta enfuna as cortinas, que se movimentam no ar. Eu estava aqui no computador e cliquei esse balé harmonioso e sensual. Na gravura do Augusto Rodrigues o casal até ficou inspirado e estão de olhares. Compramos no ateliê dele um pouco antes da sua morte. Não deu para comprar um quadro, mas valeu a gravura, devidamente autenticada e numerada, e ele ainda deu uma personalizada com uns toques em lápis de cor. Mas a suave brisa vale, ao menos, um cochilo (rs).

13 comentários:

verapsico disse...

Ney, suas fotos continuam provocando encantamento... Parabéns! Vera

ney disse...

Vera,
Obrigado pela sua presença, pelo comentário, fico feliz que goste das fotos, é sempre uma força, uma motivação. É só um jeito amador de fotografar, uma distração, mas faço com prazer, e assim vamos ficando mais sensíveis, vivenciando e captando esses bons moments. Abraço/ney.
Meu computador pifou (vírus), está no conserto, estou acessando de outra máquina. Cuidado! Não abra e-mails meus, recebi e podem estar sendo distribuídos para pessoas da minha lista. ney/

Ana Martins disse...

Muita originalidade na foto, muito bem apanhado o momento!

Beijinhos com votos de bom fim de semana,
Ana Martins

ney disse...

Obrigado, Ana, pela presença e comentário. Ótimo final de semana. beijo/ney.

Clecilene Carvalho disse...

Que linda foto, quase pude sentir o frescor da brisa em meu rosto.

Um excelente domingo!

BlueShell disse...

Não consigo ver a foto ...as enquanto aí faz calor...aqui tenho 8 graus centígrados....a gente bate o dente de frio....nem a lareira aquece senão a superfície da pele!.....neve na serra!geada cobre as ervas e as poucas flores! Céu cinza!....

Brrrrr...que frio!

ney disse...

Clecilene,
Obrigado pela presença e carinho de suas palavras. São deliciosas as brisas, ao contrário das calmarias e das tempestades. Que ela sopre assim suave em nossos caminhos. ney/

ney disse...

BlueShell,
Obrigado pela presença e pelo comentário. Pois é, aqui calor e ai muito frio, mas viva essa diversidade da rica natureza. Viva a beleza e os encantos das ESTAÇÕES. ney/

Amapola disse...

Parabéns pelo seu lindo blog.
Já começa com uma linda fotografia e um belo texto.
Um abraço.

Amapola disse...

Boa tarde.
Agradeço-lhe por seguir meu blog.
Um grande abraço.

O Profeta disse...

Chove bem no meio do mar
São de fogo as manhãs na ilha
A seda púrpura é lençol de amantes
Os olhos roubam a virtude à maravilha

Enchi a taça com absinto
Ergui o braço, toquei uma nuvem carmim
Ensaiei um passo de dança
Senti que os pássaros riam de mim

Senti o resto da geada em descalços pés
Calei minha viola de dois corações
Deixei entrar no peito o tamborilar de perdidas gotas
Senti o sabor sal das minhas emoções


Convido-te a partilhar a outra metade


Abraço

ney disse...

Amapola,
Obrigado por essa visita amiga e comentário aqui no meu canto de fotos, poesias, cotidianos, memórias, miscelânea de assuntos.
Como disse no CHEGA JUNTO adorei seus textos, viajei em muitos deles, mas ainda vou ver outros e acompanhar. Abraço/ney.

ney disse...

O Profeta,
Lindo seu texto (MUITO MESMO), fui ler na íntegra, compartilhar a bela poesia, os sentimentos, a criatividade, a alma, momentos que nos encantam a vida. Obrigado por esse convite e atenção, estarei seguindo outros, aprendendo, crescendo, interagindo. ney/